Digital Puc-Campinas

Antes do espetáculo a vida das pessoas que trabalham no circo não é diferente da das outras pessoas. Elas lavam roupa, cozinham, assistem séries e se dedicam à religião. A diferença é que elas moram em trailers e estão sempre viajando. Mas para quem nasceu no circo, essa realidade é normal. Esse é o caso de Cedrik Maciel (24), equilibrista e quinta geração de artistas circenses de sua família.

FONTE:https://digitais.net.br/2022/04/integrantes-do-happy-day-circus-falam-sobre-como-e-a-vida-itinerante/

Deixe um comentário

Rolar para cima